Como incentivar a leitura infantil? Estratégias que funcionam - SunKids

Como incentivar a leitura infantil? Estratégias que funcionam

Você já se perguntou como fazer seu filho gostar de ler? De fato, incentivar a leitura é um desafio para muitos pais,especialmente em uma era de tecnologia e distrações constantes. 

No entanto, fique tranquilo, existem estratégias eficazes que podem despertar o interesse de seu filho pelos livros e abrir as portas para o maravilhoso mundo da leitura e esta matéria é sobre isso! 

Importância da leitura na infância

A leitura desempenha um papel fundamental no desenvolvimento das crianças. Além de ser uma fonte de conhecimento, ela também estimula a imaginação, aumenta o vocabulário, melhora a escrita e desenvolve habilidades cognitivas. Por isso, é essencial incentivar a leitura desde cedo, cultivando esse hábito na criança. 

A seguir, apresentaremos os principais motivos pelos quais incentivar a leitura na infância é importante:

Desenvolvimento da linguagem: A leitura regular expõe as crianças a diferentes palavras, frases e estruturas linguísticas. Isso contribui para a expansão do vocabulário, melhoria da fluência verbal e desenvolvimento da capacidade de expressão. Além disso, ao ler em voz alta para as crianças, os pais ajudam a tornar a linguagem mais rica e estimulante.

Estímulo à criatividade e imaginação: Os livros são verdadeiros tesouros de histórias e mundos fantásticos. Ao lerem, as crianças são transportadas para universos fictícios, onde são estimuladas a imaginar personagens, cenários e situações. Isso ajuda a desenvolver a criatividade e a capacidade de pensar de forma criativa.

Aprendizado sobre o mundo e diferentes culturas: A leitura oferece às crianças a oportunidade de aprender sobre diferentes lugares, tempos históricos, pessoas e culturas. Por meio dos livros, elas podem explorar o mundo sem sair de casa, adquirindo conhecimentos e ampliando sua compreensão do mundo.

Desenvolvimento do pensamento crítico: A leitura estimula o pensamento crítico e a reflexão. Ao se envolverem com personagens e tramas, as crianças são incentivadas a analisar situações, tomar decisões e compreender as consequências das ações dos personagens. Isso contribui para o desenvolvimento de habilidades de raciocínio lógico e crítico.

Melhoria da concentração e habilidades cognitivas: A leitura requer concentração e foco. Incentivar a leitura é oferecer às crianças  um treino sua capacidade de prestar atenção, manter o foco por períodos mais longos e desenvolver habilidades cognitivas, como a memória e o raciocínio abstrato.

Fortalecimento dos vínculos familiares: Ler para as crianças e compartilhar histórias em família fortalece os laços afetivos. A leitura em conjunto cria momentos especiais, de proximidade e aprendizado compartilhado. Além disso, através da leitura, os pais podem transmitir valores e mensagens importantes para seus filhos.

Incentivar a leitura melhora da escrita e compreensão textual: Quanto mais as crianças leem, maior é sua familiaridade com a escrita e a compreensão de textos. A exposição constante à leitura ajuda a aprimorar a escrita, a ortografia, a gramática e a capacidade de compreensão das informações presentes nos textos.

Estímulo à curiosidade e busca pelo conhecimento: A leitura desperta a curiosidade nas crianças, estimulando-as a buscar mais informações e conhecer novos assuntos. Isso contribui para o aprendizado contínuo e para o desenvolvimento de uma postura crítica e investigativa diante do mundo.

Ao reconhecer a importância da leitura na infância, os pais podem adotar estratégias eficazes para incentivar seus filhos a gostarem de ler.

 

incentivar a leitura

Criando um ambiente favorável

Uma das principais estratégias para fazer seu filho gostar de ler é criar um ambiente favorável em casa. Ter um espaço dedicado à leitura e incentivar o contato com livros desde cedo são passos fundamentais nesse processo. Aqui estão algumas dicas de como criar um ambiente propício para despertar o interesse da criança pela leitura:

  1. Monte uma biblioteca em casa: Reserve um local específico para os livros, seja uma estante, uma prateleira ou até mesmo uma caixa de livros. Crie um ambiente atrativo e organizado, onde seu filho possa explorar e escolher os títulos que mais lhe interessam. Ter uma variedade de gêneros, como contos de fadas, aventuras, histórias em quadrinhos e livros educativos, amplia as opções e estimula a curiosidade.
  2. Dê o exemplo: As crianças muitas vezes se espelham nos adultos. Se você demonstrar interesse pela leitura, seu filho irá perceber e valorizar esse hábito. Ler em voz alta para ele, compartilhar seus próprios livros e conversar sobre as histórias são formas de criar um vínculo com a leitura. Ver os pais como modelos de leitores pode despertar o desejo de imitá-los e adquirir o hábito da leitura.
  3. Estabeleça momentos de leitura em família: Reserve um tempo todos os dias para a leitura em família. Pode ser antes de dormir, durante o café da manhã ou em qualquer outro momento que se encaixe na rotina da casa. Ler junto com seu filho cria um ambiente acolhedor e prazeroso, além de promover a interação e fortalecer os laços familiares. Pode-se fazer rodízio de quem escolhe o livro, para que todos tenham a oportunidade de se envolver com diferentes histórias e temáticas.
  4. Faça visitas frequentes à bibliotecas ou livrarias: Levar seu filho à biblioteca ou livraria é uma ótima maneira de criar uma cultura literária desde cedo. Permita que ele explore e escolha seus próprios livros, estimulando sua autonomia e curiosidade. Além disso, participar de atividades como contação de histórias e clubes de leitura pode despertar o interesse da criança em compartilhar experiências literárias com outras pessoas.
  5. Apoie as iniciativas de leitura do seu filho: Esteja sempre atento aos interesses literários do seu filho. Se ele demonstrar interesse por algum livro ou autor específico, apoie sua escolha e incentive-o a ler. Não imponha leituras ou temas que ele não esteja interessado, pois isso pode gerar desinteresse e frustração. Permita que ele explore diferentes estilos de leitura e respeite suas preferências.
  6. Crie momentos lúdicos de leitura: Tornar a leitura uma atividade prazerosa e divertida é essencial para despertar o interesse da criança. Utilize recursos como livros interativos, jogos de palavras, quebra-cabeças e materiais complementares que possam enriquecer a experiência de leitura. Além disso, fazer encenações das histórias, convidar os amigos para uma roda de leitura ou realizar atividades relacionadas aos livros são formas de deixar a leitura mais estimulante e envolvente.

Ao criar um ambiente favorável para a leitura, você estará proporcionando à criança uma experiência prazerosa e enriquecedora. Lembre-se de que cada criança possui seu próprio ritmo de desenvolvimento e interesse. Portanto, seja paciente e respeite suas preferências.

Assim, com estímulo e incentivo adequados, você estará ajudando a construir uma base sólida para que seu filho possa desenvolver o hábito de ler e desfrutar dos benefícios que a leitura pode trazer ao longo da vida.

 

leitura infantil

Escolhendo os livros certos

A escolha dos livros certos é crucial para despertar o interesse do seu filho pela leitura e mantê-lo envolvido nesse hábito saudável. Aqui estão algumas estratégias eficazes para ajudá-lo a selecionar os livros adequados para seu filho:

  1. Conheça os interesses do seu filho: Antes de escolher um livro, é importante entender os interesses do seu filho. Observe quais são seus brinquedos, programas de TV, hobbies e temas que ele demonstra interesse. Isso lhe dará uma ideia dos gêneros e tópicos que ele pode gostar de explorar em um livro.
  2. Leve em consideração a idade e o nível de leitura: Cada criança tem seu próprio ritmo de desenvolvimento de leitura. Certifique-se de escolher livros apropriados para a idade e nível de leitura do seu filho. Livros muito avançados podem desencorajar, enquanto livros muito simples podem entediá-lo. Ajudá-lo a encontrar livros que correspondam às suas habilidades de leitura irá mantê-lo desafiado e motivado.
  3. Considere a relevância e a atualidade: Livros que retratam situações e problemas com os quais seu filho pode se identificar têm maior probabilidade de atrair sua atenção. Além disso, livros com histórias ou temas atuais podem tornar a leitura mais interessante e relevante para seu filho. Fique atento a lançamentos recentes ou livros que abordem temas da atualidade.
  4. Procure por livros visualmente atraentes: A aparência de um livro pode ter um impacto significativo na escolha do seu filho. Escolha livros com ilustrações bonitas, cores vibrantes e uma diagramação atraente. Livros visualmente interessantes incentivam a exploração e a imaginação.
  5. Faça o seu filho participar da escolha: Envolver seu filho no processo de seleção de livros pode aumentar seu entusiasmo pela leitura. Leve-o à livraria ou biblioteca e permita que ele escolha livros que despertem seu interesse. Isso dá a ele um senso de propriedade sobre sua leitura e aumenta a probabilidade de ele realmente querer ler os livros selecionados.
  6. Explore diferentes gêneros literários: Oferecer uma variedade de gêneros literários pode ajudar seu filho a descobrir suas preferências de leitura. Experimente livros de aventura, fantasia, ficção científica, biografias, mistério, entre outros. A diversidade permite que ele explore diferentes estilos de escrita e temas, ampliando sua experiência literária.
  7. Verifique recomendações de outros pais e educadores: Pergunte a outros pais, professores e bibliotecários sobre recomendações de livros para a faixa etária do seu filho. Eles podem sugerir títulos populares e adequados para incentivar a paixão pela leitura.

Lembre-se de que escolher os livros certos para seu filho é um processo contínuo.

Dessa maneira, à medida que ele cresce e amadurece, seus interesses e habilidades de leitura evoluem, o que significa que você precisará adaptar suas escolhas ao longo do tempo. O importante é manter um ambiente propício à leitura, oferecer opções variadas e estimular o prazer de ler.

incentivando a leitura

Incentivando o hábito da leitura

1. Comece cedo

Iniciar a leitura desde a mais tenra idade é fundamental para incentivar o interesse pela leitura em crianças. Ler para o bebê enquanto ainda estão no útero é uma forma de introduzi-los ao mundo da linguagem e à melodia da leitura. Quando o bebê nasce, criar o hábito de ler em voz alta para eles, mesmo que não compreendam as palavras, irá familiarizá-los com os sons, ritmo e entonação da leitura.

2. Torne a leitura divertida

Fazer com que a leitura seja uma atividade divertida e agradável é essencial para incentivar o interesse das crianças. Escolha livros que sejam adequados para a idade e com temas que despertem o interesse delas. Utilize vozes engraçadas, faça gestos e encoraje a participação. Além disso, estabeleça momentos específicos para a leitura, como antes de dormir, criando uma rotina agradável e confortável.

3. Seja o exemplo

As crianças tendem a imitar o comportamento dos pais, por isso, é fundamental que os pais sejam modelos de leitura. Demonstre entusiasmo pela leitura, leia regularmente na presença dos filhos e compartilhe suas próprias experiências de leitura. Essa atitude positiva em relação aos livros e à leitura terá um impacto significativo no interesse das crianças em ler.

4. Crie um ambiente propício à leitura

Transformar o ambiente da casa em um espaço convidativo à leitura pode ser extremamente encorajador para as crianças. Portanto, para incentivar a leitura, tenha uma estante de livros acessível, com uma variedade de gêneros e níveis de leitura. 

Crie um cantinho aconchegante com almofadas, uma cadeira confortável ou até mesmo uma tenda para leitura. Deixe os livros à vista, disponíveis e organize sessões de leitura em família, onde todos possam desfrutar dessa atividade juntos.

5. Incentive a escolha e a autonomia

Permita que as crianças escolham seus próprios livros e dê a elas autonomia para decidir sobre suas preferências de leitura. Assim, ao permitir que elas selecionem livros com base em seus interesses pessoais, você estará encorajando sua curiosidade e fortalecendo seu relacionamento com a leitura.

6. Explore diferentes tipos de leitura

Além dos livros tradicionais, como romances, contos e fábulas, incentive a leitura de diferentes tipos de materiais, como revistas, jornais, gibis e até mesmo histórias em quadrinhos. Essa diversidade de leitura pode ser mais atrativa para crianças que ainda não desenvolveram o hábito de ler.

7. Faça da leitura uma atividade social

Promova a leitura como uma atividade social, seja através da participação em clubes de leitura infantis, grupos de leitura na escola ou mesmo em encontros regulares com amigos ou familiares para discutir livros e compartilhar recomendações. Essa interação social em torno da leitura pode tornar a experiência mais prazerosa e estimulante para as crianças.

8. Estabeleça recompensas

Outra estratégia eficaz para incentivar a leitura é estabelecer recompensas. Crie um sistema de recompensas, como uma estrela ou adesivo para cada livro lido ou tempo dedicado à leitura. Também é possível oferecer pequenos prêmios, como um presente ou passeio especial, quando a criança atingir determinadas metas de leitura.

Incentivar o hábito da leitura em crianças pode parecer desafiador, mas ao adotar essas estratégias eficazes, os pais podem tornar a leitura uma atividade prazerosa e enriquecedora para seus filhos. Lembre-se de ser paciente, respeitar o ritmo de cada criança e oferecer apoio e encorajamento ao longo do processo.

 

crianças lendo

Para incentivar a leitura: livros de acordo com cada faixa etária 

Abaixo você confere os livros mais indicados para cada idade. 

10 indicações de livros para incentivar a leitura entre crianças de 5 a 7 anos

  • O Pequeno Príncipe (Antoine de Saint-Exupéry, traduzido por Lúcia Machado de Almeida)
  • O Gato de Botas (Charles Perrault, traduzido por Maria Clara Machado)
  • O Patinho Feio (Hans Christian Andersen, traduzido por Monteiro Lobato)
  • O Mágico de Oz (L. Frank Baum, traduzido por Ruth Rocha)
  • A Pequena Sereia (Hans Christian Andersen, traduzido por Tatiana Belinky)
  • A Bela e a Fera (Charles Perrault, traduzido por Paulo Mendes Campos)
  • O Chapeuzinho Vermelho (Charles Perrault, traduzido por Rachel de Queiroz)
  • A Rapunzel (Jacob e Wilhelm Grimm, traduzido por Ruth Rocha)
  • Os Três Porquinhos (Joseph Jacobs, traduzido por Monteiro Lobato)
  • O Ursinho Pooh (A. A. Milne, traduzido por Ana Maria Machado)

 

10 indicações de livros para incentivar a leitura entre crianças de 8 a 10 anos

  • O menino maluquinho, de Ziraldo
  • A menina bonita do laço de fita, de Ana Maria Machado
  • O menino no espelho, de Ruth Rocha
  • A peleja do Saci Pererê com a Cuca, de Monteiro Lobato
  • A menina do narizinho arrebitado, de Monteiro Lobato
  • O Sítio do Picapau Amarelo, de Monteiro Lobato
  • O menino no espelho, de Ruth Rocha
  • Cinderela, de Charles Perrault
  • A Bela Adormecida, de Charles Perrault
  • A Branca de Neve, dos Irmãos Grimm

 

10 indicações de livros para incentivar a leitura entre crianças de 11 a 13 anos

  • O Diário de Anne Frank, de Anne Frank
  • A Menina que Roubava Livros, de Markus Zusak
  • A Ilha do Tesouro, de Robert Louis Stevenson
  • Harry Potter, de J. K. Rowling
  • Percy Jackson e os Olimpianos, de Rick Riordan
  • A Menina do Vale, de Maria José Dupré
  • Cidade dos Sonhos, de Marina Colasanti
  • O Diário de um Banana, de Jeff Kinney
  • As Crônicas de Nárnia, de C. S. Lewis
  • O Hobbit, de J. R. R. Tolkien

Conclusão 

Assim como você acabou de ler, incentivar a leitura nas crianças é uma empreitada repleta de vantagens, pois, ao criar um ambiente amigável para os livros em casa e demonstrar o entusiasmo através do exemplo pessoal, os pais estão pavimentando um caminho para que seus filhos se encantem com a leitura.

E manter uma seleção de livros interessantes ao alcance e instituir um momento diário dedicado à leitura solidifica ainda mais essa conexão, já que  as ocasiões de compartilhar histórias, por sua vez, se convertem em preciosos instantes de união familiar.

Através desses esforços, os pais não apenas transmitem conhecimento e enriquecem o vocabulário, mas também alimentam a imaginação e a criatividade das crianças. Ao partilhar histórias e aventuras, os pais constroem memórias duradouras. 

Portanto, ao investir nesse compromisso, os pais estão preparando seus filhos não apenas para o sucesso escolar, mas também para um futuro com mais criatividade, curiosidade e com sede por conhecimento! 

 

 

Você se lembra qual foi o primeiro livro que leu? Que tal começar a incentivar a leitura do seu filho lendo o mesmo livro?  

Se esse artigo foi útil para você, nos ajude compartilhando, basta clicar no botão aqui embaixo. Nos siga também em nosso Instagram e fique por dentro de tudo que acontece no universo infantil. 

Deixe um comentário

Obs: Os comentários precisam ser aprovados antes de serem publicados.

Este site é protegido por reCAPTCHA e a Política de privacidade e os Termos de serviço do Google se aplicam.