Olhos secos: Conheça o problema que anda afetando a visão de crianças de todo o mundo - SunKids

Olhos secos: Conheça o problema que anda afetando a visão de crianças de todo o mundo

A tecnologia avançou muito nos últimos anos, isso é um fato que ninguém pode negar, entretanto, mesmo que aparente ser algo extremamente benéfico para todos, vale dizer que junto a tal evolução, alguns malefícios provenientes da mesma também acabaram atingindo toda a população, como os olhos secos.

Dentre os principais malefícios, pode-se citar aqueles que afetam diretamente a visão, algo que pode ser observado em todas as pessoas, porém, principalmente nas crianças. Tais malefícios possuem tanta relevância, que já se tornaram um dos assuntos mais comentados nas mídias no mundo.

Milhares de crianças já tiveram o seu futuro completamente comprometido por conta dos problemas provenientes do uso excessivo de aparelhos desenvolvidos em prol da tecnologia, como por exemplo: televisores, celulares, computadores, notebooks, entre outros.

Como citado, os olhos secos são classificados como um dos principais problemas desta mesma origem, algo que pode ser evitado pelos pais, por meio de algumas práticas preventivas, algo que citaremos e explicaremos abaixo, portanto, recomendamos que preste muita atenção!

Afinal, o que são os olhos secos?

Como o próprio nome entrega, o problema denominado como síndrome dos olhos secos é algo proveniente da falta de lubrificação no globo ocular, algo ocasionado quando nosso organismo não consegue produzir lágrimas o suficiente, ou até mesmo por conta de maus hábitos que levam o nosso corpo e adquirir tal característica, como por exemplo, a prática de piscar com grandes intervalos de tempo.

Muitas pessoas não sabem, mas os casos de olhos secos em crianças aumentaram consideravelmente nos últimos anos, algo que preocupou uma grande quantidade de médicos e oftalmologista, pois, mesmo não sendo um problema extremamente grave, é um fato que com o passar do tempo, de forma gradativa, este problema ocasiona o desenvolvido de outros, como a miopia ou até mesmo algo mais sério.

De acordo com estudos, as telas de aparelhos eletrônicos são as principais culpadas deste aumento de casos. Tal assunto começou a se tornar uma preocupação quando os estudos mostraram que aproximadamente 30% de toda a população necessita do uso de óculos na atualidade, incluindo uma parcela considerável do público infantil, algo que com certeza foi potencializado pelos olhos secos.

Quais são as principais causas deste problema?

Como citado, os olhos secos em crianças possuem diversas causas e fontes possíveis, entretanto, todas elas desenvolvem uma produção irregular de lágrimas, algo que deixa os olhos sem a lubrificação necessária para funcionarem da maneira correta, e assim, ocasiona grande incômodo na visão.

 

Dentre as principais causas deste problema, podemos citar que o uso excessivo de telas de aparelhos eletrônicos, está na primeira posição. Esse ponto é explicado pelo seguinte acontecimento:

Ao concentrarmos nossa atenção e visão nas telas de aparelhos eletrônicos, acabamos oferecendo uma grande diversidade e variedade de imagens para serem decifradas em um curto período de tempo pelos nossos olhos e cérebro, algo que eles não foram projetados e desenvolvidos para realizar. Por conta disso, a frequência de pisco não se mantém regular, ocasionando assim, os olhos secos e a fadiga ocular (também proveniente das luzes azuis).

Principais sintomas apresentados por alguém que está com o olho seco

Uma criança que desenvolveu a síndrome dos olhos secos, ao utilizar em excesso os seus olhos no momento que já estão cansados (ou seja, com fadiga ocular), acabam apresentando uma grande probabilidade de desenvolver demais problemas, entre eles: miopia, astigmatismo, conjuntivites, infecções, entre outros.

Além disso, também vale dizer que tal problema proporciona inúmeros sintomas para o indivíduo, entre eles: 

  • Dor nos olhos e atrás deles;
  • Lacrimejo;
  • Sensação de desconforto e secura nos olhos;
  • Visão embaçada ou duplicada;
  • Fotofobia extrema;
  • Contrações involuntárias;
  • Dores de cabeça e enxaquecas;
  • Estresse;
  • Vermelhidão nos olhos;
  • Entre outros.

Existe algum tratamento para o olho seco ocasionado pela fadiga ocular?

Após descobrirem tal problema, a grande maioria das pessoas começa a se perguntar se existe alguma cura ou tratamento para tal síndrome, e felizmente, existe sim, algo que é bem básico e prático, entretanto, deve ser seguido à risca.

De forma geral, o tratamento para a síndrome dos olhos secos em crianças se resume a práticas que auxiliam a aumentar a lubrificação dos olhos e evitar a fadiga ocular, podendo ser recomendado pelo seu oftalmologista: utilização de colírios a base de lágrimas, diminuição do uso de telas, utilização de óculos BlueFlex, sono regulado, entre outros.

Deixe um comentário

Obs: Os comentários precisam ser aprovados antes de serem publicados.

Este site é protegido por reCAPTCHA e a Política de privacidade e os Termos de serviço do Google se aplicam.