Entenda o que é retinoblastoma e aprenda a notar os possíveis sinais deste terrível problema - SunKids

Entenda o que é retinoblastoma e aprenda a notar os possíveis sinais deste terrível problema

Com o passar dos anos, novos problemas, síndromes e doenças foram desenvolvidas e descobertas, algo natural, já que a medicina também evoluiu e se tornou forte o bastante para combater de frente estes problemas. Entretanto, ainda existem alguns problemas que são verdadeiros desafios, como por exemplo, o retinoblastoma. Mesmo sendo um problema extremamente sério e que ficou famoso dentro do Brasil nos últimos tempos, é um fato que ainda existe uma grande diversidade de pessoas que não sabe o que é retinoblastoma.


Essa dúvida pode trazer inúmeros malefícios para tais pessoas e seus filhos, já que este problema costuma ser desenvolvido durante a infância, e assim, acaba prejudicando todo o restante da vida do indivíduo (caso não seja tratado precocemente e da maneira correta). Com isso, é um fato que a situação em que o mundo e sociedade atual se encontram deve mudar, e deve mudar o mais rápido possível, já que a falta de informação é um grande problema, principalmente quando nos referimos ao retinoblastoma.


Contudo, se você realmente possui o desejo de aprender o que é retinoblastoma, recomendamos que preste muita atenção em todas as informações a seguir, pois nós da SunKids, citaremos todas as principais características deste problema.

Afinal, o que é retinoblastoma?

De modo geral, pode-se definir o retinoblastoma como um dos milhares tipos de câncer que existem na atualidade, e vale dizer que esse em específico, ataca única e exclusivamente o olho. Uma de suas principais características, é que ele costuma aparecer em crianças que apresentam 2 até 5 anos de idade (95% dos casos são infantis).


Essa característica é proveniente do crescimento e desenvolvimento natural do corpo humano, onde o crânio passa por inúmeras mudanças, e assim, acaba deixando os olhos com uma proteção inadequada e menos eficiente.


Esse tumor é desenvolvido em meio a retina. Com o passar do tempo, a retina acaba se descolando, e com isso, é criado um reflexo na visão do indivíduo, algo que mesmo preocupante, é um ponto positivo para os médicos, já que alguns sintomas podem ser notados neste estágio, auxiliando no tratamento precoce do problema.

 

Tipos de retinoblastoma

Algo que grande parte das pessoas não sabem, é que existem 2 tipos distintos de retinoblastoma, aquele desenvolvido de forma natural, ou seja, com a mutação de alguma célula ocular (normalmente provoca o retinoblastoma em somente 1 olho), e aquele desenvolvido por conta de uma hereditariedade, ou seja, herdado dos pais (pode aparecer em 1 ou nos 2 olhos).

Quais são os seus principais sintomas?

Agora que você já sabe o que é retinoblastoma, chegou o momento de falarmos sobre os seus sintomas, e assim como qualquer outro câncer, os sintomas deste problema evoluem conforme o desenvolvimento e crescimento do tumor.

 

Os primeiros sintomas podem ser notados desde o princípio do desenvolvimento, algo que merece uma maior atenção, já que com eles, é possível descobrir o câncer precocemente, auxiliando o seu tratamento e cura. Estes sintomas são: sensibilidade à luz, heterocromia, vermelhidão, estrabismo, leucocoria (reflexo de cor branca na pupila) e até mesmo sangramento em alguma parte do olho. 

 

Quando o tumor se desenvolve e alcança uma fase mais avançada, pode-se notar os seguintes sintomas: dores nos olhos, dor de cabeça, perda de visão, tamanho irregular do globo ocular, entre outros.

 

Como descobrir precocemente um possível retinoblastoma?

Você com certeza já ouviu falar sobre Tiago Leifert, o famoso apresentador que se afastou das televisões por conta de sua filha, Lua, que desenvolveu o retinoblastoma, e assim, está passando pelos devidos tratamentos. Vale dizer que no caso da Lua, o câncer foi detectado com certa antecedência, já que Tiago notou alguns sinais de estrabismo por parte de sua filha, e assim, não poupou esforços para levá-la ao oftalmologista, aumentando as chances de cura para o problema de sua filha, além de claro, dar um exemplo para todo o povo brasileiro.

Como funciona o tratamento do retinoblastoma?

Quando diagnosticado com antecedência, o retinoblastoma apresenta uma boa probabilidade de cura com o tratamento (aproximadamente 90%). Existem 4 possibilidades de tratamento para este câncer, que são: laserterapia, crioterapia, radioterapia e a quimioterapia. Cada um desses tratamentos são indicados em determinadas situações. Com isso, pode-se afirmar que você já sabe de tudo que diz respeito à o que é retinoblastoma.

Deixe um comentário

Obs: Os comentários precisam ser aprovados antes de serem publicados.

Este site é protegido por reCAPTCHA e a Política de privacidade e os Termos de serviço do Google se aplicam.