Ceratocone é grave? Veja o que é, os principais sintomas e tratamento do problema - SunKids

Ceratocone é grave? Veja o que é, os principais sintomas e tratamento do problema

Diversas pesquisas mostraram que os casos de ceratocone aumentaram significativamente nos últimos anos, algo que levou as pessoas a começarem a procurar se o ceratocone é grave, quais são os seus sintomas, causas e tratamentos. Entretanto, a internet ainda se encontra muito escassa sobre tais informações, e para mudar isso, nós mesmos da SunKids resolvemos separá-las e disponibilizá-las, algo que você conseguirá observar a seguir.

O que é ceratocone?

Também denominado como ceratocone, o ceratocone se trata de uma doença que atinge diretamente a córnea de um ou até mesmo dos dois olhos em conjunto, entretanto, vale dizer que os casos em que o ceratocone é desenvolvido nos dois olhos são bem mais frequentes. 

De modo geral, este problema tende a fazer breves alterações sobre esta região, deixando-a mais fina e sensível, algo que leva a córnea a apresentar um formato irregular conforme o passar do tempo, se assimilando muito a uma pequena bola (leve curvatura).

Muitas pessoas, quando percebem tal problema, tendem a crer que se trata de uma simples inflamação no olho, entretanto, tal pensamento está completamente errado, e caso não seja procurado ajuda oftalmológica o mais rápido possível, é possível que o indivíduo desenvolva e apresente alguns danos permanentes na visão.

Ao desenvolver ceratocone, é um fato que as imagens captadas pelos olhos sofreram algumas alterações, já que ao absorver estas imagens, o seu formato será modificado por conta da curvatura apresentada sobre os olhos, causando grandes alterações na visão das pessoas que desenvolvem tal problema (a alteração na visão dependerá do grau de curvatura desenvolvido em prol da ceratocone).

Mesmo que uma grande parte da população nunca tenha ouvido falar no problema, não podemos ignorar o fato de que o ceratocone é considerado como a distrofia mais popular e que apresenta mais casos em todo o mundo. 

Por fim, mas não menos importante, diversos estudos mostraram que mesmo sendo um problema que pode ser desenvolvido por todas as pessoas, os adolescentes costumam ser o alvo principal da doença.

Afinal, ceratocone é grave? Por que?

Qualquer problema ocular que consegue proporcionar uma modificação direta no formato dos olhos é considerado como um problema extremamente grave, já que tais mudanças influenciam diretamente a visão do indivíduo, portanto, sim, o ceratocone é grave, principalmente quando não é diagnosticado precocemente.

Mesmo na atualidade, os pesquisados e oftalmologistas ainda não conseguiram descobrir qual a verdadeira causa do ceratocone, entretanto, a maioria dos casos possuem alguma ligação com a hereditariedade e com más práticas com os olhos, como por exemplo, coçar os olhos com certa frequência e sem medir forças.

Também vale dizer que a ceratocone é uma das doenças que caso não seja tratada precocemente e de forma efetiva, pode fazer com que o indivíduo desenvolva a cegueira total e permanente, outro ponto que confirma a gravidade do problema em si.

 

Principais sintomas do ceratocone

Agora que você já sabe que o ceratocone é grave, chegou o momento de conhecer um pouco mais as principais características da doença e, portanto, resolvemos separar e disponibilizar os principais sintomas que acompanham a curvatura nos olhos. Tais sintomas são:

  • Desenvolvimento de miopia ou astigmatismo (caso o indivíduo já tenha, é esperado observar uma piora em seu grau);
  • Necessidade de trocar constantemente os óculos;
  • Fotofobia extrema;
  • Distorção e duplicação em algumas imagens;
  • Entre outros.

Vale dizer que a maior parte destes sintomas podem ser percebidos e observados desde o início do desenvolvimento da doença, e portanto, é fundamental se manter atento a eles, para assim, conseguir realizar o diagnóstico precoce em conjunto com o seu oftalmologista.

Como funciona o tratamento deste problema? O diagnóstico precoce muda alguma coisa neste caso?

Assim como qualquer outra doença ocular, o tratamento do ceratocone se torna extremamente mais prático, fácil e eficaz quando o seu diagnóstico é feito precocemente, já que a doença não estará tão desenvolvida no início do tratamento.

Infelizmente, a grande maioria das pessoas desconhece a existência desta doença e de seus sintomas, algo que ocasiona um grande desenvolvimento da mesma antes do diagnóstico. Na maioria destes casos, a doença é diagnosticada muito tarde, e infelizmente, o indivíduo acaba desenvolvendo a cegueira total.

Quando o diagnóstico é feito precocemente, o tratamento pode se resumir a lentes de contato especiais ou até mesmo com cirurgia, algo que varia de acordo com o grau de desenvolvimento da doença naquele caso. Com isso, você já sabe de tudo que é necessário para entender se a ceratocone é grave ou não.

Deixe um comentário

Obs: Os comentários precisam ser aprovados antes de serem publicados.

Este site é protegido por reCAPTCHA e a Política de privacidade e os Termos de serviço do Google se aplicam.